Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por Carla Hilário Quevedo, em 09.06.07
Blockbomba: Hannibal Rising (um filme sobre a ira e as suas consequências em que a minha simpatia vai toda para o assassino, que até tem um código bastante aceitável neste filme). Stranger Than Fiction (um filme extraordinário).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:54

...

por Carla Hilário Quevedo, em 09.06.07
Jennifer Jason-Leigh/Dorothy Parker (2)


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:50

...

por Carla Hilário Quevedo, em 09.06.07
Jennifer Jason-Leigh/Dorothy Parker (1)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:44

...

por Carla Hilário Quevedo, em 09.06.07
Ninho de cucos (91)

O Varandas é um gato atípico: não salta, não brinca, não desconfia. Sei aliás que tenho um gato apenas por causa da quantidade de horas que o bicho passa a dormir. Já lhe cheguei a perguntar se era mesmo um gato ou se me estaria a enganar, seu malandro. Respondeu-me como sempre faz: dando uma voltinha para se aconchegar melhor numa almofada e adormecendo não sem antes dar um suspiro profundíssimo indicador de como se maça com perguntas de resposta óbvia: "Se calhar achas que eu sou a Britney Spears?" Sim, o Varandas é um gato. Mas para aqueles habituados a gatos que brincam e correm e... err, reagem, o meu bicho (que é propriedade minha, com todos os seus direitos, mas meu) não corresponde a esse género de animal. Dizer que é calmíssimo não é suficiente. É possível que paire, apesar do peso e do tamanho extra-extra-large. O Varandas é uma criatura aparentemente coerente: é pesado e grande tal como é profundo de espírito pois nada, absolutamente nada, o perturba. Além do mais é sociável. Não se esconde das pessoas, só prefere observá-las à distância. Mas a coerência falha porque ao pairar, o bicho prova que é leve. Ou talvez nem tanto. Afinal de contas, só é possível ser genuinamente leve quando existe uma imensa e séria profundidade. O que tenho aprendido com o gato Varandas tem um valor inestimável. Talvez seja a minha maior influência.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:37