Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por Carla Hilário Quevedo, em 19.09.07
"Stop!"



Sobre Britney Spears, é preciso percebermos que estamos - alguns, eu - a assistir a uma pessoa muito jovem a enlouquecer em público. Julgo que, neste caso, a profunda falta de inteligência é causadora de sofrimento. Pode levar à infelicidade total, à loucura, ao suicídio, a nada de bom, portanto. Mas a ideia precisa de desenvolvimento e agora não posso. Hang in there, Britney!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:59

...

por Carla Hilário Quevedo, em 19.09.07
"Cause dancing's what I love"



A questão é quase só essa: óptima bailarina!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:47

...

por Carla Hilário Quevedo, em 19.09.07
"Action!"



O verso "I don't need nobody telling me just what I'm gonna do about my destiny" parece bastante claro. Talvez por realmente não ser necessário que alguém diga ao outro aquilo que ninguém tem a mínima hipótese de saber.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:17

...

por Carla Hilário Quevedo, em 19.09.07
Eu hoje acordei assim...


Rosario Dawson

... nestes últimos dias vividos na cidade de Amesterdão, verifiquei de longe (dos canais, num pequeno barquinho) que houve muitas pessoas a defender a agressão de Scolari a um jogador sérvio. A atitude é obviamente condenável, não vejo nenhuma margem para dúvida. Espero que seja suspenso rapidamente e que sejam aplicados os castigos que são aplicados nestes casos. Mas era mesmo só o que nos faltava ter um treinador da selecção nacional a agredir jogadores. A insanidade é total. O maradona não tem um pingo de razão no seu post em que defende o indefensável. E a fotografia que apresenta do jogador francês (que não aprecio, gosto em geral muito mais dos baixinhos sem pescoço - 1,80m - que jogam na primeira linha) Sebastien Chabal é escandalosa (volta, Pipi, não há nada a perdoar!). Mas voltando a Scolari, a única agressão que poderia ter algum interesse seria a de um treinador a um jogador da sua própria equipa. Imaginemos Scolari a dar uma palmada no Nuno Gomes: "Porque você não feiz o qui eu djisse, hein?". Um treinador severo do tipo mestre-escola seria pelo menos original... Depois acordei a pensar no Red Light District. Tem muitos fãs, vão em bandos ugabuga a beber cerveja até cair no canal, algumas das meninas nas montras são voluptuosas, outras uns estafermos, mas tudo aquilo é deprimente. Não quero agora falar da legalização da prostituição (só porque agora tenho mesmo de ir ali), but let's just say I am not a fan at all. E nem era preciso ir ao Red Light para confirmar o que pensava sobre o assunto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:21