Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Perseverança (3)

por Carla Hilário Quevedo, em 24.03.08

"The demand that I make of my reader is that he should devote his whole life to reading my works" - James Joyce 

 

Caríssimo Jansenista, bem-vindo! Mas I'm afraid I have bad news: estou a reler o Ulysses. Parece uma piada, bem sei, e logo agora que parecia aceitar críticas de génios, mas é verdade. Os próximos meses serão tremendos, I say, tremendos. Mas continuo com Evelyn Waugh, e de vez em quando aparecerá aqui uma frase ou outra de Scoop ou passagens de Decline and Fall, embora apenas para interromper os lençóis de letras apaixonadas que tenciono dedicar ao melhor livro alguma vez escrito...  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:45

Kylie Minogue festeja o terceiro aniversário (e um dia) do blogue A Cooperativa

por Carla Hilário Quevedo, em 24.03.08

 

Muitos parabéns!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:47

De farda

por Carla Hilário Quevedo, em 24.03.08

A proposta de lei do PS para a regulamentação da aplicação de piercings e tatuagens é tão extravagante que é capaz de vir de Bruxelas. Faz lembrar uma época em que de repente passámos a ter alfaces do mesmo tamanho e maçãs da mesma cor, tudo a obedecer a regras de desenvolvimento específicas. Assim estamos nós, sobretudo, ao que parece, os menores de dezoito anos. Nada de rebeldias, meus amigos. Isso era para bisavós com delírios de estrelas de rock. Agora o mundo precisa de pessoas todas iguais, de preferência com ideias iguais, modos de vida afins, nenhum traço distintivo, zero de excentricidade. A Europa unida vai acabar mesmo por ser vencida porque estará de tal forma entorpecida que se manifestará incapaz face aos problemas. Brincos na língua e golfinhos no braço não são problemas, pois não? Ou são problemas típicos de quem não tem nada para resolver, certo? Porque até se percebe o tédio na Holanda ou o mais tremendo aborrecimento na Dinamarca. Não há nada a resolver nesses países, e assim até podem inventar que a partir de certo dia vão passar a usar farda. Mandem lá um telegrama a Bruxelas ou seja a quem for que manda nisto a dizer que ainda não chegámos aí.

 

Publicado na Tabu, Cinco Sentidos, 21-03-08.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:29

Contra James Joyce mas não faz mal

por Carla Hilário Quevedo, em 24.03.08

Elizabeth Jane Howard: You said to me once something about feelings being very difficult to communicate in words.

Evelyn Waugh: Well, the feelings should be the reader’s, the customer’s. You tell him or her the facts and if it’s a properly told story they’ll quickly pick up what the feelings are. In my youth there was a tremendous blind alley a whole lot of good writers went down in which they tried to give what they called stream of consciousness, in which they gave what everyone was thinking and feeling apart from what they were saying or doing. The novelist deals with speech and action, and time sequence. It isn’t the novelist’s business to feed the reader with emotions. If your novel’s any good the reader should get emotions from it, perhaps not ones you intend but they should be there.

 

Excerto desta série de entrevistas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:03

Com e sobre Waugh

por Carla Hilário Quevedo, em 24.03.08

Para ouvir: entrevista a Evelyn Waugh.

 

Para ver e ouvir: The Waughs: Fathers and Sons.

 

Documentário no YouTube sobre Brideshead Revisited: primeira parte, segunda, terceira, quarta e quinta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:45