Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ninho de cucos

por Carla Hilário Quevedo, em 15.04.08

O gato Varandas ontem vomitou uma enorme bola de pêlo. Começou, como é costume, com uma série de contracções acompanhadas de sons peculiares - uma espécie de coc, coc gutural - e finalmente soltou um rasto bastante longo de pêlo misturado com outras coisas que dispensam descrição pormenorizada. Ah, é importante contar que mal o bicho começou naquela dança de contrair e descontrair a barriga, peguei nele e pu-lo na varanda. É óbvio que numa tentativa de me chatear, o animal queria à viva força vomitar na sala. Mas não lhe dei a mínima hipótese. "O menino quer ser sincero? Vá já lá para fora ser sincero à vontade". E assim foi: uma bola de pêlo que não era bem bola mas um monte comprido e achatado. Não faço ideia de como o gato pode ter vivido alegremente este tempo todo com aquilo dentro dele, mas é certo que viveu. Nos últimos dias até tem estado muito contente, vá-se lá saber porquê. E a rara elegância com que vomitou! Não fez nenhuma cena nem choramingou nem nada dessas parvoíces que as pessoas fazem. Com verdadeira dignidade felina, o Varandas fez o que tinha a fazer. E depois continuou no seu ritmo alucinante de sempre.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:51

Ser Rickrollado

por Carla Hilário Quevedo, em 15.04.08

Muito divertido este fenómeno. E contra a cientologia marchar, marchar! Já agora, o vídeo de Rick Astley fica aqui porque faz parte da minha educação musical. Teria uns 16-17 anos quando comecei a cantar "We're no strangers to love..."

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:50

Cinco anos é só o começo

por Carla Hilário Quevedo, em 15.04.08

 

Blogooooonnnnnn, Nuno!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:51