Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Eu hoje acordei assim...

por Carla Hilário Quevedo, em 05.09.08

Anna Karina

 

... ontem li que das várias obras perdidas de Suetónio, das muitas que não chegaram até aos nossos dias, fazem parte títulos como Estudo sobre as injúrias, Livro sobre as cortesãs célebres e ainda Livro sobre os defeitos físicos. Foi-se o conteúdo mas ficaram os títulos, e com eles uma maior certeza quanto a uma intuição minha de que Suetónio apreciava o sensacionalismo. Pensando bem, o gosto pelas entranhas humanas, típico de criaturas muito atentas aos pormenores, produz bons resultados. Um pouco do espírito deste notável biógrafo talvez exista no leitor ávido de tablóides e no espectador de reality-shows.  Mas Suetónio, além de um imenso talento literário, tinha um acesso privilegiado à informação. Era bibliotecário e arquivista, passando depois a conselheiro imperial de Adriano e responsável único pela correspondência. Ou seja, sabia muito sobre o que se passava e explorava esse conhecimento. Ainda bem para nós.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:15