Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Rádio Blogue: Japão

por Carla Hilário Quevedo, em 18.03.11

(A Grande Onda de Kanagawa, de Katsushika Hokusai, 1830-3) «Espero, do fundo do meu coração, que as pessoas dêem as mãos e se tratem com compaixão e que consigam ultrapassar estes tempos difíceis.» As palavras são do Imperador Akihito, que numa mensagem televisiva ao seu povo se mostrou muito preocupado com o número de vítimas que aumenta de dia para dia. O sismo e o tsunami que assolaram o Japão nos últimos dias terão feito até agora dez mil mortos e ainda milhares de desaparecidos. Uma catástrofe nuclear parece estar próxima, após as explosões e os incêndios na central de Fukushima. Perante este terrível acontecimento de consequências devastadoras para o país, a população tem um comportamento que nos espanta e que, de alguma maneira, consideramos admirável. As imagens que nos chegaram do sismo em Tóquio, filmadas com câmaras de telemóveis, mostravam pessoas estáticas perante a terra a abanar violentamente. Num supermercado, algumas tentavam segurar nos produtos que caíam das prateleiras. Num escritório, os funcionários estavam parados, à espera que aquilo passasse. Apesar do abalo muito forte, pareciam estar habituados a imprevistos. Depois do sismo, não se viu pânico pelas ruas. Uns estavam aliviados por terem sobrevivido. Outros procuravam os nomes dos familiares nas listas de pessoas resgatadas e protegidas em abrigos. Outros agradeciam por ainda terem a lua e as estrelas que brilhavam para ver à noite. Ninguém pilhou a propriedade de ninguém. Em vez do saque, os japoneses optaram pela ajuda mútua num momento difícil e de dor. Se este comportamento é uma questão cultural, isto significa que mais ninguém pode ser assim? A conduta do povo japonês é exemplar ou esquisita?

 

Publicado hoje, no Metro. Deixe a sua opinião através do 21 351 05 90 ou no Jazza-me Muito. Os comentários que chegarem até quinta-feira, dia 24 de Março, às 15h, vão para o ar, na Rádio Europa, na sexta, dia 25, às 10h35.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:25

Must be a reason

por Carla Hilário Quevedo, em 18.03.11

Why I'm making examples of you

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:20