Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Eu hoje acordei assim...

por Carla Hilário Quevedo, em 27.03.11

Elizabeth Taylor, numa imagem gentilmente enviada pelo Ricardo Gross

 

... dizem em voz alta que a solução do País está no «crescimento económico». Está bem visto... Falta só explicar como vai crescer um País com governantes que não pensam no bem comum, com uma cultura de inveja, onde o trabalho não é respeitado nem se promove o mérito. Há, felizmente, excepções a este modo de funcionamento, como já tenho dito aqui. Mas estas são, também infelizmente, excepções. Ou seja, não chegam para mudar. Qualquer pessoa sabe que o País precisa de se desenvolver. O problema está no «como». São sobretudo estas propostas que quero ver nos tais programas de governo que estão a ser elaborados pelos partidos. Outra coisa: a solução do País passa pela negociação do perdão de parte da dívida. Já deve ser a terceira vez que digo isto, mas paciência. Gostava que Portugal tivesse um Primeiro-ministro com capacidade e inteligência para negociar com Bruxelas, apesar do curtíssimo espaço de manobra. É preciso dizer a verdade: e a verdade é que nunca vamos poder pagar os 450 mil milhões que devemos ainda não percebi bem a quem. Como não há duas sem três, vou abrir uma conta no Facebook e passar a usar ainda mais o Skype porque os meus amigos estão a deixar o País. Tudo para grande pena minha.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:03