Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mote para 2013

por Carla Hilário Quevedo, em 15.01.13

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:16

Vai, Nura

por Carla Hilário Quevedo, em 15.01.13

É mais uma história de mulheres no mundo islâmico, desta vez na conservadora Arábia Saudita. O rei Abdullah tenta timidamente ou com sabedoria, depende do ponto de vista, dar mais espaço às mulheres na sociedade e na política saudita. O rei pretende incluir cidadãs sauditas no conselho da Shura, que é um órgão consultivo. Embora façam parte do conselho desde 2006, teriam uma participação mais activa no processo legislativo. O grande Mufti (autoridade máxima no direito e aplicação da Sharia) Abdul-Aziz Al-Sheik opõe-se. Defende que as mulheres devem estar o mais possível separadas dos homens, a fim de proteger a castidade do mal e da corrupção. Na luta entre as reformas do Estado e as objecções do clero conservador está a vice-ministra da Educação para os assuntos das mulheres, Nura Al-Fayez. Acredita nas reformas do rei e até tem a audácia de exigir metade dos lugares do conselho, que é composto por 150 membros. Força Nura na Shura, contra os Muftis e a Sharia!

 

Publicado na Tabu, Cinco Sentidos, 11-1-13

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:12