Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Viva!

por Carla Hilário Quevedo, em 20.01.13

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:56

Eu hoje acordei assim...

por Carla Hilário Quevedo, em 20.01.13

Sophia Loren, bem acompanhada

 

... o aspecto que me parece mais estranho deste 'debate' sobre a reforma do Estado é a insistência no discurso do cortes de milhares de milhões e o silêncio a respeito do que importa preservar. O estado de emergência confundiu as prioridades, sobretudo daqueles que nunca leram um livro na vida (no sentido literal e metafórico). Porque tudo se resume a isto: uma grave falta de cultura dos governantes e políticos, que condena o país ao constante fracasso. A reforma do Estado é fundamental, não só para as gerações futuras, mas para as que estão activas hoje. Cortar a direito tem consequências sérias para as pessoas, atinge directamente as vidas de muita gente e indirectamente as de quase todos nós. Pior ainda: não resolve. Quanto ao pouco tempo disponível, é possível fazer um bom trabalho com um prazo apertado. Não há, aliás, outro remédio.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:07