Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Uma notícia triste

por Carla Hilário Quevedo, em 14.06.13

Comecei a ler o João Pinto e Castro e a conhecê-lo um pouco pelo que escrevia no seu blogue individual, blogo existo. Contou-me um dia que tinha tirado as vogais porque achava o título pretensioso. Mas era tão pretensioso quanto irresistível. Conheci o João Pinto e Castro pessoalmente anos depois, quando o convidei para participar num debate sobre blogues na Almedina. Aí falou com entusiasmo sobre um interesse em comum: a escrita nos blogues, a importância de ser claro, a utilidade de alinhar argumentos, de pensar através da escrita, mas também o gozo de discutir e de lidar com as diferenças em público. Lembro-me de ter dito que tinha sido educado numa família em que todos discutiam as suas ideias, sem ninguém ficar ofendido. Era esta distância bem educada, irónica e bem humorada, que faziam dele uma pessoa com quem era possível conversar. É uma diferença importante neste mundo. Partiu demasiado cedo.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:53