Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Os homens que lêem

por Carla Hilário Quevedo, em 13.08.14

Li um artigo na revista feminina online Elite Daily em que se recomenda fervorosamente as mulheres a saírem com homens que lêem. A autora chama-se Lauren Martin e deve viver na Disneylândia. Não vou ser eu a frustrar uma tão nobre cruzada, mas com todo o gosto atacarei a estupidez das suas conclusões. Martin diz que «os homens que lêem não são espertos; são sábios». Não há garantias de essa qualidade existir nos mais leitores e é até frequente que não sejam nem uma coisa nem a outra. «Eles não só te percebem como te compreendem, porque ao lerem aprendem a perceber as inúmeras experiências de vida das personagens e desenvolvem a empatia». Pelo sim pelo não, nunca contem tudo. «Encontrar um homem que lê é como sair com mil almas e viver mil vidas», diz certamente para assustar as mulheres. Sair com ‘mil almas e mil vidas’ seria um caos e uma canseira. Felizmente que o homem que lê (e o que não lê) é só uma pessoa e, com alguma sorte, só uma vida.

 

Publicado na Tabu, Cinco Sentidos, 8-8-14

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:53

My idea of fun

por Carla Hilário Quevedo, em 13.08.14

Ancient Statues Pose for Selfies, uma maravilha do Hyperallergic

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:50