Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ainda não foi desta

por Carla Hilário Quevedo, em 15.10.14

Kim Jong-un não esteve presente na cerimónia de dia 10, mas apareceu dias depois. Fica para a próxima!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:13

Será que é hoje?

por Carla Hilário Quevedo, em 15.10.14

Hoje, dia 10 de Outubro, sugiro que estejamos atentos às notícias vindas da Coreia do Norte. É o aniversário da fundação do Partido dos Trabalhadores, que está no poder desde 1946. É hoje que fazem festas, cantorias, as paradas e todas essas coisas tão caras às ditaduras. Mas o importante é que desde inícios de Setembro que o nosso conhecido ditador Kim Jong un, que durante o Verão se fartou de executar, expulsar ou substituir aqueles de quem não gostava, não aparece em lado nenhum. A desculpa é ter estado doente. Mas é contra os costumes do país o Grande Líder estar ausente durante tanto tempo. Fala-se de golpe de Estado ou de destituição do Grande Líder neto por outro Grande Líder, que por sua vez é pai do pai do Grande Líder do qual vos falo agora. Voltando ao princípio. Se não aparece na festa, não é por estar doente. É por já ter sido Grande Líder. Agora deve haver outro. Seja quem for, não pode ser pior do que este. Bye, bye, Kim.  

 

Publicado na Tabu, Cinco Sentidos, 10-10-14

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:10