Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Eu hoje acordei assim...

por Carla Hilário Quevedo, em 09.11.14

Mansfield.jpg

Jayne Mansfield, só para variar

 

... a segunda vez que o nome de Sophia Loren apareceu invocado em vão foi a propósito desta fotografia extraordinária de 1957. Segundo contou Sophia Loren - ou como disseram os jornais, "explicou" - Mansfield tinha sido a última a chegar a um jantar oferecido pela Paramount em homenagem à actriz italiana. Mansfield apareceu a transbordar de generosidade e Loren conta passadas quase seis décadas que olhou assim para ela porque tinha medo que tanta generosidade extravasasse os limites do decote. É capaz. Mansfield, que queria ser Marilyn Monroe, fez o que estava ao seu alcance para dizer ao mundo que tinha chegado antes, jogando a carta da nudez em público, que não era uma novidade para ela. Não deixou por isso de ser uma jogada forte naquele contexto, o que só diz bem de Sophia Loren, que também não saía ao pai. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:18