Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Diário estival (3)

por Carla Hilário Quevedo, em 12.08.17

- James Damore, o funcionário da Google que foi despedido por ter escrito um memo de dez páginas sobre "diferenças biológicas" entre homens e mulheres, as quais, segundo Damore, justificam a ausência de mulheres em empresas como a Google, escreveu uma carta de queixinhas no Wall Street Journal. Trata-se claramente de uma pessoa que se julga no direito a dar a sua opinião - uma opinião errada, que ajuda a perpetuar preconceitos que, by the way, são péssimos para os negócios - num contexto de trabalho com regras específicas. Há muita gente hoje em dia que acha que as empresas são democracias. Não sei como seria há umas décadas, mas aposto que este é um problema novo. Confundem tudo, porque até têm uma conta de Facebook onde dizem toda a espécie de disparates. O problema não é a liberdade de expressão. O problema é haver cada vez mais pessoas que pensam que o mundo lhes deve atenção, respeito, paciência, sem terem de fazer nada para o merecer. Viva a Google!

- Gosto desta t-shirt e não vou comprar, porque o S me fica grande.

- Gertrude Mokotoff, de 98 anos, e Alvin Mann, de 94, conheceram-se no ginásio há oito anos. Casaram há dias. “People always ask what it is that keeps us young,” Mr. Mann said. “Of course, one part of it is medical science, but the bigger part is that we live worry-free lives; we do not let anything we cannot control bother us in the least.” 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:56