Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Coisas importantes

por Carla Hilário Quevedo, em 19.04.11

As bibliotecas municipais, de bairro ou em pequenas autarquias são como os centros de saúde das freguesias. Que pesadelo seria para uma pessoa doente ter de se deslocar a um grande hospital para tratar uma maleita que podia ser resolvida a umas centenas de metros do domicílio. Estas pequenas bibliotecas estão, no entanto, a ser abandonadas, não apenas em Portugal, mas em países que considerávamos exemplares para o resto do mundo. Acontece, por exemplo, em Londres. Uma biblioteca de bairro, a Kensal Rise Library, inaugurada por Mark Twain em 1900, está a fechar portas por falta de fundos. No nosso mundo revestido de iPads, Kindles e MacBooks, estes sítios parecem anacrónicos. Mas estamos enganados. A realidade de uns não é a realidade de todos. Ao movimento criado para salvar esta pequena biblioteca, juntou-se a escritora Zadie Smith, que lembrou como aquele lugar lhe dera acesso aos livros. Livros que lhe deram acesso a outra vida. Num discurso comovedor num pub perto de Kensal Rise, disse: «As bibliotecas de bairro são portas de entrada para vidas melhores, melhoradas». Só espero que a crise financeira não nos faça esquecer do que é realmente importante.

 

Publicado na Tabu, Cinco Sentidos, 15-4-11

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:30