Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Determinismos

por Carla Hilário Quevedo, em 05.07.11

De corpo e alma é uma série americana agradável, que está a ser transmitida pela SIC ao sábado à tarde. O título original é Drop Dead Diva. A protagonista é uma rapariga loira, bonita e magra, boa pessoa mas superficial, que morre num desastre de automóvel e que, por um erro no escritório do Céu, regressa ao mundo dos vivos no corpo de uma advogada gorda e inteligente, hospitalizada no mesmo dia. A personagem mantém a personalidade anterior, baseada na sua beleza, mas adquire os conhecimentos jurídicos da ocupante do corpo obeso. Podem imaginar o resto, que nada tem de imprevisível, mas que nos oferece momentos de humor original. Entre eles, temos o efeito irresistível de ver o comportamento, os tiques e a linguagem típicos de uma rapariga gira, superficial e fashion, que parecem desadequados à sua nova aparência e que são muito estranhos para quem a rodeia. Sem haver na série nenhuma pretensão ideológica, uma mulher pouco atractiva (segundo os padrões clássicos de beleza) a falar como se fosse a oitava maravilha do mundo tem muita graça. Pergunto se a mesma troca funcionaria com homens. Penso que não. Têm todos o mesmo James Bond dentro deles.

 

Publicado na Tabu, Cinco Sentidos, 1-7-11

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:23