Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Eu hoje acordei assim...

por Carla Hilário Quevedo, em 05.06.12
Grace Kelly

 

... gosto imenso da Teodora Cardoso, porque o que diz faz sentido e é real. As suas explicações são claras, e é pena que nem sempre haja uma interpretação mais exaustiva das suas palavras. E depois tem a virtude de se rir nas entrevistas (aconteceu há pouco na TSF) ao mesmo tempo que fala nesta nossa situação desgraçada. É bom ouvir o riso de quem percebe a gravidade da situação. O pior é ter de aturar o resto, com as indicações e o dedinho apontado ao que os outros devem ou não ganhar para se tornarem 'mais competitivos'. Os salários baixam inevitavelmente, não há motivo para preocupação, dr. Borges. O desemprego elevado encarrega-se de baixar os custos do emprego. Dos outros, claro. Marcelo Rebelo de Sousa tem toda a razão: António Borges que comece por reduzir o seu próprio salário. Tenho uma ideia melhor: dê um contributo sério à comunidade, construindo uma escola, um lar, uma ala de um hospital. Solidariedade é isto, e é reconhecida com nomes de ruas, placas e homenagens. A outra possibilidade é ficar calado. Aliás, pensava que esta era uma das vantagens de ser rico: não precisar de falar. Até nisto Portugal me espanta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:52