Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por Carla Hilário Quevedo, em 20.08.03
Sempre que leio o meu nome no Socio[B]logue ponho-me em sentido. Pareço uma miúda toda esticada já com a mão na caixa das bolachas, que está na última prateleira do armário; a tampa quase a cair e a outra mão apoiada no armário. De repente, ouço o meu nome. É assim que me sinto.



A maioria das pessoas que me envia e-mails trata-me pelo nome e apelido. Pois. Por bomba inteligente. Os mais formais tratam-me por Dona Bomba (tem a sua piada). Os que já me conhecem tratam-me por Charlotte, Char, Cha, Chazinha etc. Uma grande querida trata-me por Palas Ateneia. Já sabem que me chamo Carla... mas podem tratar-me por Elizabeth que não me importo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:05