Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por Carla Hilário Quevedo, em 21.09.05
Carnivàle lights (2)



After the ball is over: o encontro no diner. Hopper, Luís, sim. O Bem, o Mal e a Magia, sentados no mesmo local. "Every profet in this house." O Reverendo e Ben sonham o mesmo sonho. "Your ma is a turnip", diz Ben a Sophie. Na imagem vê-se como é. Mas a frase mereceu uma tradução selvagem: "A tua mãe é uma nabiça". Nabiça? Para fazer sopa? O Senhor falou com o Reverendo Justin Crowe (a personagem até agora mais complicada, sofrida, angustiada, teatral), que leva Templeton a encarar o seu pecado. Templeton não aguenta. Brother Justin não se comove. Nada como uma bela limonada depois do confronto com aquilo que se é, para refrescar na tomada de consciência. A irmã, Luís, aquela irmã que tenta manipular, mas não manipula, pois não? Iris percebe que Justin está diferente, mas sente uma atracção por aquele fanatismo. Lodz bebe absinto com um torrão de açúcar dissolvido em água. E as siamesas não desafinam como os migrantes na igreja.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:04