Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por Carla Hilário Quevedo, em 14.12.04
Getafuckinglife: andam por aí umas crianças a falar sobre a vida privada e profissional da vossa criada fardada. O que quererá essa gente que fala de mim e que linca o bomba (ou não) e opina e sei lá mais o quê? Quererá meter-me a língua no ouvido? Pretenderá um sinal em forma de linque, uma mão amiguinha, uma discussão estimulante, uma boa chapadona na caratonha anónima ou uma palmaducha na fralda? Tenham lá paciência, meus queridos. Não sou nada maternal e embora tenha muito jeito para aplicar castigos, sobretudo em público, não me dá gozo nenhum fazer gato sapato de adolescentes borbulhosos. Controlem lá essa sede de atenção e arranjem umas namoradas, ou uns bons filmes para ver. Se isso não for possível, aceitem os doces que as pessoas estranhas vos oferecerem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:35